Xadrez Verbal Podcast #275 – COP26 com Natalie Unterstell, América Latina e Atila #45

Nesse programa, recebemos a especialista Natalie Unterstell para explicar e comentar o acordo final da COP26. Também passamos pela nossa quebrada latino-americana, especialmente nas eleições do Chile e da Argentina. No noticiário da pandemia com Atila Iamarino falamos sobre resfriados e perda de ofalto. Além disso tudo, giramos pelo mundo, a semana na História, Economia com a professora Vivian Almeida, peões da semana e dicas culturais fechando mais uma edição da sua revista de política internacional em formato podcastal!

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira você se atualiza e se informa.

Livro Asterix e a Transitálica, de Jean-Yves Ferri e Didier Conrad

Livro 1312: among the Ultras: a journey with the world’s most extreme fans, de James Montague

Livro When Friday comes: football, war and revolution in the Middle East, de James Montague

Lançamento do Atlas das situações alimentares: a disponibilidade domiciliar de alimentos e a fome no Brasil contemporâneo, de José Raimundo Sousa Ribeiro Junior, Mateus de Almeida Prado Sampaio, Daniel Henrique Bandoni e Luiza De Carli

Museu do Futebol

Casa de Cultura do Parque

Bate-papo com Filipe Figueiredo no canal da Abralin

Fronteiras Invisíveis do Futebol #25 – República Democrática do Congo

Nerdologia História O mistério de D. B. Cooper

Fronteiras Invisíveis do Futebol #26 – Chapecó

Site Clima e Desenvolvimento

Site Política por inteiro

Filme A grande aposta

Música de encerramento Medley (Ao vivo na nossa roda de funk), por Mc Jotinha

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Canal do Xadrez Verbal no Telegram

Minutagem dos blocos, cortesia dos financiadores do Xadrez Verbal

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, que está no Apoia-se

Filipe Figueiredo é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.
Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.

Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

16 Comentários

  • Diogo Maia de Carvalho

    Olá, pessoal.

    Confesso que essa notícia dos escorpiões invadindo o Egito deu um certo gatilho, pois aqui em casa já apareceram uns amarelos, que são bem pequenos, mas estão entre os mais perigosos. Basta que eu encontre um para me deixar preocupado durante dias, imagina centenas dessas pestes?

    Abraços de BH.

  • MARCOS WILLIAN SARAN

    No Efemérides: A Semana na História quando mencionam o caso D.B Cooper, lembrei da série Loki do Disney+ onde tem no primeiro episódio o Loki sequestra o tal avião por conta de uma aposta que ele faz com o Thor. É curioso notar que a série dá uma “explicação” para o sumiço do sequestrador: ele foi salvo pela Bifrost, ponte asgardiana controlada por Heimdall.
    https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/loki-conheca-o-caso-d-b-cooper-crime-real-que-inspirou-primeiro-episodio-da-serie/

  • Ver a convidada falando da COP26 me fez sentir estar ouvindo um conto de fadas….

  • Excelente episódio como sempre, esperando repetório com essa convidada.
    Uma pequena correção: Rittenhouse foi originalmente preso (e depois respondeu em liberdade mediante pagamento da fiança de $2M) por uma acusação de assassinato (ele mesmo se entregou na delegacia dizendo que tinha matado dois homens) e desde então surgiram outras 5 acusações, entre elas a de porte ilegal de arma por um menor. Porém essa última foi justamente a acusação recusada pelo juiz em face das provas, pois ele não atravessou a divisa do estado com a arma, ela já estava no Wisconsin com um primo de Rittenhouse e pela legislação local ele tinha o direito de portá-la. As outras 5 acusações foram recusadas pelo júri de 12 pessoas mesmo.

    (aqui tem uma explicação um pouco mais técnica, de antes do veredicto final https://www.nytimes.com/2021/11/11/us/kyle-rittenhouse-gun-charge.html)

    • Ótimas considerações Gustavo!

      Apenas complementando sobre o assunto, aos que perguntaram ao Filipe e ao Matias sobre a possibilidade de apelação no caso do julgamento, a ideia (seja aqui no Brasil ou nos EUA) é da soberania do veredicto do júri ou, traduzindo em miúdos, o que o júri decidir está decidido, o que apenas existe a possibilidade de recursos nesses casos são sobre questões procedimentais que não foram devidamente respeitadas, seja antes do início do julgamento ou mesmo durante. A grande diferença para aqui termos a sensação de que há muito mais questionamentos nesses casos é que nossa ideia de “processo” é muito mais burocrática que a ideia norte-americana, onde há uma preponderância muito maior a oralidade, com a resolução de questões na própria audiência.

      No mais, um grande abraço por mais este maravilho programa. Os convidados dessa semana estavam para lá de afiados com temas e análises fantásticas! Claro, vocês não ficaram nada atrás também, rs!

  • Descordo da ideia de Filipe de que para falar sobre agenda do Lula na Europa era preciso falar dos outros pré-candidatos. Primeiro porque não tem outro candidato (que não seja o próprio presidente da República) fazendo tour pelo principal continente sócio-economico do mundo, e nem por nenhum outro continente. Segundo porque não se está a falar de um simples pré-candidato, mas de um ex presidente, e candidato favorito até aqui. Em terceiro, qualquer ser humano que possua uma relevância parecida com a do Lula tem muitas notícias vinculadas no próprio podcast, e em outros meios de comunicação, vide Donald Trump. De resto foi um excelente episódio.

  • Discordo da ideia de Filipe de que para falar sobre agenda do Lula na Europa era preciso falar dos outros pré-candidatos. Primeiro porque não tem outro candidato (que não seja o próprio presidente da República) fazendo tour pelo principal continente sócio-economico do mundo, e nem por nenhum outro continente. Segundo porque não se está a falar de um simples pré-candidato, mas de um ex presidente, e candidato favorito até aqui. Em terceiro, qualquer ser humano que possua uma relevância parecida com a do Lula tem muitas notícias vinculadas no próprio podcast, e em outros meios de comunicação, vide Donald Trump. De resto foi um excelente episódio.

  • https://www.megacurioso.com.br/artes-cultura/120448-o-portugues-brasileiro-em-portugal.htm

    A galera em Portugal está reclamando da influência que youtubers brasileiros estão tendo entre as crianças.
    É isso

  • Para deixar bem claro, Brasília não possui Governador.
    Quem o possui é a Unidade Federativa Distrito Federal.
    Erro crasso!

  • Pô, Filipe, me chamou de “Tiago”.

    Pra não desperdiçar o post, mais uma dica linguística: Jovenel Moïse. Notem que tem um trema no ‘i’, o que indica um hiato, como em “naïf”. Portanto, aproximando pra uma grafia fonética à nossa maneira, os haitianos pronunciam o nome do presidente assassinado como “Jovénél Moíz”, com ênfase na última sílaba e um som de ‘z’ no final.

  • Olá Filipe, Matias e Atíla.
    Sobre as efemérides eu descobri nessa semana que o Deep Purple aparentemente “sampleou” de Smoke on the Water de uma música brasileira.
    https://whiplash.net/materias/news_758/297671-deeppurple.html

    Sobre a coluna do Atila uma pequena decepção por não ouvir a versão em galinhes de ‘Fear of the Dark”. E sobre a dose de reforço eu sou da opinião de que o ministério da saúde se precipitou um pouco de anunciar isso agora, eu vi muitos comentários de pessoas que estavam em dúvidas ou com medo de tomar a vacina, falando que elas não iriam tomar de jeito nenhum essas vacinas agora com esse anúncio de mais uma dose. Acho que seria um pouco melhor deixar a taxa de vacinação chegar aos 90% pra anunciar isso.

  • Olá queridos amantes da história,

    Filipe ou Matias, sabem indicar algum podcast sobre temática ambiental nos moldes do Xadrez Verbal? Digo, que reportem notícias e/ou acontecimentos da área ambiental no Brasil e no mundo e não um programa de entrevistas com convidados semanais.

    Pode ser em inglês também, infelizmente não teria destaque ao Brasil mas já é alguma coisa.

    Muito obrigado e continuem com o bom trabalho!

  • Eu só queria comentar que a situação na Alemanha tá tão foda que hoje eu recebi um email de alguém da Universidade comentando um “diz que diz que…” que eu achei bastante “estarrecedor”: um professor de filosofia aqui da Universidade que tá no comitê de ética do hospital de Saarbrücken (aqui perto) comentara que o hospital já tá fazendo “triagem” pra decidir quem vai receber e quem não vai receber tratamento no hospital porque as UTIs deles já tão sobrecarregadas =O

  • Ótimo programa como sempre!!

    Sempre que o Filipe fala do fígado de macaco e me lembra desse fato eu ainda acho bizarro, eu pareço aquele meme do cachorro lembrando da guerra.hahahaha

    Muito obrigado pelo conteúdo de qualidade!!

  • Prezados Filipe e Matias, estou aproveitando a pausa do Xadrez Verbal para ouvir os Fronteiras Invisíveis do Futebol e, depois de ouvir o episódio sobre a minha Minas Gerais, gostaria de fazer uma correção: o clássico juiz-forano entre Tupynambás e Tupi não é Tupi-Tupi e sim Tu-Tu… e também quero ressaltar que foi muito bacana saber sobre a origem da música “Oh Minas Gerais”… acho que pouquíssimos mineiros sabem disso… parabéns pelo trabalho de vocês…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.