Repertório | Xadrez Verbal Entrevista #2.16 – Celso Castro

Recebemos o antropólogo Celso Castro, do CPDOC-FGV, para um papo sobre forças armadas, História do Brasil, antropologia e pesquisa!

Dicas do Sétimo Selo e links

Livro Invisíveis: uma etnografia sobre brasileiros sem documento, de Fernanda da Escóssia

Livro O espírito militar: um antropólogo na caserna, de Celso Castro

Livro General Villas Bôas: conversa com o comandante, de Celso Castro

Música de encerramento Cais, com Milton Nascimento

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Canal do Xadrez Verbal no Telegram

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, que está no Apoia-se

Filipe Figueiredo é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.
Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.

Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.

Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

6 Comentários

  • Concordo em alguns pontos, mas a crítica que faço é:
    Quanto a diferença de mundos entre civis e militares: a mesma é evidente, a própria Constituição diferencia e isso não é exclusividade do Brasil. É uma questão jurídica, os militares são sujeitos a inúmeras legislações a mais que os demais cidadãos e também a supressão de diversos direitos políticos e trabalhistas (como filiação a partidos, greves, sindicalização, hora extra, adicional noturno), em que pese, para contrabalancear receberem alguns poucos benefícios. Assim, podemos dizer que ambos vivem no mesmo “mundo” ou “ambiente jurídico”?
    O próprio entrevistado entra em contradição, pois critica a participação de militares da política. Se o “mundo” é o mesmo, qual o problema de um militar entrar para a política, como fazem professores, empresários, delegados, policiais federais e outros funcionários públicos. Se o próprio entrevistado afirma que militar não pode se imiscuir na política, ele afirma que são duas classes diferentes.
    Mas concordo com o autor de não haver cabimento de nessa divisão jurídica, os militares acharem que são melhores, mais valorosos ou mais patriotas que os civis… mas isso começou com o positivismo nas escolas militares, no início do século passado.

    • Caro Alexandre, o simples fato dos militares serem portadores de armas desequilibra o jogo no xadrez político. Já pensou um político militar tendo seu interesse contrariado? Será que não faria uso da força, vimos acontecer na Ditadura de 64.

  • Muito interessante a entrevista, realmente um assunto que nunca pensei em me aprofundar, mas através do Xadrez Verbal tive a oportunidade de pensar sobre. Quando tiver mais tempo vou procurar ler os livros, quero entender um pouco mais.

    Muito obrigado pelo ótimo conteúdo!!

  • Gostei muito dessa entrevista,não conhecia o professor tb. E realmente, militar ocupando o Governo Federal não é bom pra democracia.
    Ah e pena dele ser vascaíno, se fosse palmeiras já estaria mais feliz Dale 😄😄🐷🐷🐷🐷💚💚💚💚💚

  • Pingback: Xadrez Verbal Podcast #276 – Europa, bacia do Pacífico e Atila #46 | Xadrez Verbal

  • Eu conheço algumas das pesquisas relacionadas ao Exército, e à AMAN, mas o ‘mundo’ militar é bem mais amplo, e há setores bem menos endógenos que ali. Estudar os militares do ITA, da FAB, da Marinha deve dar uma razoável diferença nos resultados e no apoio a políticas de definição do papel das FFAA na sociedade. Recomendo.

Deixe uma resposta para Alvimar Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.