Fronteiras Invisíveis do Futebol #42 – Catalunha

Todo 11 de setembro é celebrado o Dia Nacional da Catalunha, comunidade autônoma que busca a independência da Espanha, em maior ou menor grau, desde o século XVIII, principalmente após o Cerco de Barcelona em 1714 (guarde essa data).

Das tribos ibéricas da Antiguidade, passamos pela ocupação romana, os reinos visigóticos, a chegada dos muçulmanos e a subsequente reconquista por parte dos carolíngios ainda Alta Idade Média, formando o Principado da Catalunha – com as fronteiras muito similares às atuais – que posteriormente foi sucedido ao Reino de Aragão.

Com a união do rei aragonês Fernando II com a rainha castelhana Isabel, na segunda metade do século XV, observamos o surgimento do maior Império da época, cuja capital era Madri. O centralismo de Castela será responsável por diversos conflitos até a proclamação da I República, em 1873, segundo derrubada pela restauração bourbônica no ano seguinte.

a virada do século XX, o futebol chega à Península Ibérica, sobretudo nas regiões mais industrializadas como Bilbao e Barcelona. E o clube que leva o nome da capital catalã se tornará um símbolo de resistência ante as ditaduras de Primo de Rivera (1923-30) e Francisco Franco (1939-75), enquanto os rivais regional e madrilenho são fortemente ligados à Coroa.

Referências no programa

Livro Nacionalismos espanhóis

Livro Fútbol: Una religión en busca de un dios

Texto As Fronteiras Invisíveis da Europa: A Catalunha

Texto Catalunha: O separatismo catalão pode estar à beira do radicalismo

Música Catalunya Lliure, de Desperdicis Clínics

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa.

Assine um dos feeds do Fronteiras Invisíveis do Futebol e não perca nenhum programa: feed RSS, feed do iTunes e feed Player.FM, feed Deezer e feed Pocketcast

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, confira o restante da programação aqui.


assinaturaFilipe Figueiredo, é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.


Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.


Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.


Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

botãocursos

13 Comentários

  • Curti muito. Principalmente sobre a seleção Catalã. Seria interessante fazer sobre a Groenlândia. Valeu e parabéns

  • Sei lá, na pratica não mudaria nada a tal autonomia catalã, na manha seguinte eles teriam que arranjar outra picuinha ou voltar a cuidar da própria vida

  • País Basco e agora Catalunha, sonhos realizados. Obrigado Filipe!
    Pergunta: Existe mais alguma região que deseja independência do Estado unitário espanhol?

    • A Galícia teve um movimento independentista, que entre 1978 e 1983, houve um grupo armado pela independência, o Loita Armada Revolucionaria (LAR).

  • Hugo Santiago de Mendonça

    Poderiam fazer um programa sobre as fronteiras invisíveis do futebol aqui no Brasil, uma vez que no Brasil existe um movimento chamado “O sul é o meu país” aqui no sul do Brasil, obviamente.

  • Dois dos Melhores podcasts que existem: xadrez e fronteiras. Parabéns pelo conteúdo.

    Dica cultural (musical) e bem pertinente para o momento é uma banda chamada KOP. Se trata de uma banda de hardcore, com uma visão independentista, bem à esquerda. O vocalista, Juanra, se não está preso, já esteve, por ligação ao ETA…

    Duas musicas para sugerir:
    – sols el poble salva al poble
    – BCN

    Abraços.

  • Faltou citar o Català Futbol Club, clube fundado no mesmo ano do FC Barcelona (1899) e foi até o final dos anos 1920 o maior rival do Barça. Foi extinto no período de profissionalização do futebol espanhol, nos anos 1920. Outro dado curioso, o Català era um clube que buscava promover o esporte local na região da Catalunha, e assim como o Athletic Club de Bilbao, que só aceitava bascos, o Català só aceitava jogadores catalães.

    Outra coisa, a ex-mulher do Daniel Alves, Dinorah Santa Ana da Silva, foi uma das donas do Sant Andreu, mas vendeu recentemente as ações do clube para Manuel Camino, atual presidente do clube.

    É bom lembrar que mesmo os Boixos Nois tendo uma ala que defende a independência da Catalunha, existe um grupo dentro da torcida que defende um nacionalismo de extrema direita, fascista.

  • Esse episódio foi sensacional, um dos melhores junto com o da Suíça e o de Pernambuco, aliás este último foi responsável por minha namorada, que não vê graça no “esporte bretão”, começar a curtir o Cast. 🙂

    Ps. Como pedir não custa:
    Bora Vê esse Fronteiras sobre a Bahia Filipe.

  • Nilton C. Carlini Jr.

    Queria deixar claro que há controvérsias sobre o Pau Gasol ser o irmão bom, Ele jogou com o Kobe, e por isso teve muito mais projeção, mas prefiro o Marc Gasol pela constância de atuações do Memphis.

    #teammarc

    To atrasado no comentário mas é mais um ótimo programa como esperado.

    • Pau Gasol tem média de 9.4 rebotes, 17.9 pontos, 3.2 assistencias e 1.7 tocos em mais de mil jogos na NBA.

      Marc Gasol, mais novo e maior, tem, respectivamente, 7.6, 14.9, 3.2 e 1.5

      Pau Gasol foi 6x All Star, Calouro do Ano, 2x Melhor Jogador da Europa, 4x Euroscar, 2x MVP do EuroBasket e MVP do Mundial

      Marc Gasol foi 3x All Star, 1x Defensor do Ano e 1x Euroscar

      Não tem controvérsia nenhuma

  • Uma coisa intressante sobre o nome do RCD Espanyol: quando eles muderam a lingua do nome para catalá eles inventeram uma nova palavra; ‘desportiu’. A palavra correta em catalá sería esportiu, como no nome do CE Europa, mas o Espanyol não queria mudar as inicais RCD para RCE (talvez eles não queriam reimprimir todos os artigos de papelaria oficial do clube, sei lá).

    Desculpe pelo comentario bem atrasado, e por meus erros gramaticais (ainda estou a aprender Português) mas obrigado pelos podcasts, ajudam muito!

    Kieran (um irlandês em Lisboa)

Deixe uma resposta para historiaefutebol Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.