Xadrez Verbal Podcast #132 – EUA, Itália e Coreia

O mundo inteiro foi pego de surpresa com as negociações entre Coreia do Norte e os EUA, e o aceite de Trump para se encontrar com Kim Jong-Un. O mundo quase inteiro, menos os nossos ouvintes! Levantando a placa de “eu já sabia”, Filipe Figueiredo e Matias Pinto chegam em mais um podcast do Xadrez Verbal, sua revista semanal de política internacional em formato podcastal. Além dos temas com a Coreia, também passamos pela situação interna aos EUA, com a taxação do aço.
De lá, cruzamos o Atlântico e vamos até a Itália, onde o Movimento Cinco Estrelas foi o partido mais votado nas eleições para o parlamento. E a coalização de centro-direita foi a coalizão mais votada. Quem vai poder formar o governo? Nem o presidente italiano sabe. Também passamos pelo resto da Europa e giramos as notícias do mundo. A semana na História, economia com a professora Vivian Almeida, peões e dicas culturais fecham o 132º podcast do Xadrez Verbal!

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira você se atualiza e se informa.

Dicas do Sétimo Selo e links

Documentário The Other Dream Team

Filme O Céu de Outubro

Música Remember Me, do filme Viva

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, que está no Apoia-se

Filipe Figueiredo é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.
Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.

Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.

Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

Anúncios

19 Comentários

  • Demorou um pouco mas saiu!
    Estava preocupado que minha casa iria ficar suja hoje. Fiquei o dia inteiro esperando o podcast motivacional para começar os afazeres domésticos. Não esqueçam da responsabilidade que vocês tem nas mãos!
    Muito obrigado por tudo! Continuem com o ótimo trabalho.

    PS: Acho que vocês deveriam pedir para ipê patrocinar vocês

  • Diogo Maia de Carvalho

    Mammoud Abbas é também o nome de um estádio de futebol aqui de Minas, campo do Democrata de Governador Valadares, também conhecido como Pantera. Só ratificando que é assim que se escreve o nome do estádio e não “Mahmoud Abbas”, como o líder da Palestina.

  • Guilherme Vedovello

    Olá Matias e Filipe, eu só queria avisar que depois de muito esforço consegui fazer com que a querida Larissa Barcellos ouvisse um programa de vocês, estou tentando desde o ano passado. Pra ficar mais fácil de entender a dificuldade que foi, acho que era mais fácil o São Paulo vencer o Palmeiras no Allianz do que ela ouvir um programa, afirmo isso com todo clubismo do mundo. Um abraço pra vocês.

    Ps: agora quero fazer ela ouvir o fronteiras invisíveis

  • A Bachelet tem mais dois dias e quer mudar a constituição? Esses socialistas são canalhas mesmos, não desistem nunca de destruir a economia do país

  • A West Virgínia poderia aproveitar e acabar com a educação pública, sabemos que os custos vão aumentar e a educação vai cair de qualidade.

  • Lembrar o Felipe para qdo falar do Chê e de Fidel, tbm dizer que estão no colo do capeta. Mas acho que não vai né?

  • Palestrinha sempre que pode alfineta o ministro Alexandre de Moraes.
    Esta visão antenada sobre prisão é apenas uma constatação da falha do Estado.
    Todo termo que possui o prefixo “re” demonstra este problema. Se precisa ressocializar, significa que falhou em socializar. Então relaxa.
    Apesar de discordar, gosto do trabalho de vcs.

  • Sobre a descoberta do DNA, há um lado controverso e meio triste na história toda. O grupo responsável pela descoberta, que rendeu o prêmio Nobel citado no episódio, era liderado pelo Watson e pelo Crick. No laboratório deles havia uma cientista chamada Rosalin Franklin que era quem tirava as chapas radiográficas de cristais, e ela quem tirou a melhor imagem cristalográfica do DNA da época, da qual quem tem conhecimentos da área iria elucidar a estrutura. O chefe do laboratório deu sem falar a Rosalind esta imagem ao Watson, que então foi capaz de criar o modelo de dupla hélice que se mostrou verdadeiro até hoje. Porém no artigo ele não da crédito à Rosalind. E o Nobel foi dado a ele, ao crick seu companheiro de laboratório e ao chefe dos dois. Rosalind morreu sem reconhecimento e no livro “a dupla hélice” que conta a saga científica disso apenas menciona ela brevemente.

  • Quanto às tarifas sobre aço, talvez tenha faltado citar um fator interno. Está prestes a acontecer uma eleição especial no 18o distrito na Pensilvânia, que passa por Pittsburgh, um tradicional local de indústria siderúrgica (Pittsburgh Steelers) que sofreu um desmantelamento pela concorrência externa. Salvo engano, Trump teve uma vitória larga nesse distrito e agora os Republicanos correm um grande risco de perder esse distrito. Assim que foram anunciadas as novas tarifas, antigas siderurgicas da região passaram a reconvocar trabalhadores e criar postos de trabalho. Eh um ponto apenas nesse panorama, claro, mas os republicanos estão se preparando para uma luta de foice no escuro para conseguir manter câmara e senado este ano, então acho que não pode ser menosprezado.

  • Salve senhores,

    Levando em consideração a língua italiana «uscitalia» (lê-se uxitália) seria uma alternativa para falar da saída da Itália da zona do Euro, sendo que «uscita» quer dizer ‘saída’. 😉

    Abraço a todos.

  • Apesar do viés que vocês demonstram, gosto do trabalho apresentado, de verdade.
    Não sei se é por zoeira ou algo assim, já que sou ouvinte há cerca de um ano (posso não ter pego a referência lá atrás, quem sabe…), mas realmente dói o ouvido quando ouço “presidenta” (00:11:41).
    Ah, caso seja de zoeira, me perdoem a ignorância.

  • Ótimo podcast pessoal, como sempre. Só senti falta de comentários sobre a decisão do parlamento chinês de alterar a constituição afim de permitir Xi Jinping governar por tempo indeterminado. Li alguns artigos a respeito, mas achei muito interessante a análise de um professor de relações internacionais de SP, comentando ao vivo no Bandnews. Resumidamente ele disse: “é infrutífero exigir que um país como a China adote a democracia nos moldes ocidentais, tendo em vista sua história e valores.” Não me lembro o nome do comentarista, mas isso é algo a se pensar.

  • Caríssimos,

    Fujimori já cumpria pena por crimes não passíveis de anistia, indulto ou prescrição, mas mesmo assim foi agraciado pelo decreto presidencial. Tanto é que já ocorreu este ano audiência na Corte IDH em que peticionários e a Comissão Interamericana pedem que o decreto de dezembro de 2017 seja declarado incompatível com a Convenção Americana de Direitos Humanos e, assim, invalidado. Lembrando que a Corte IDH já havia se pronunciado nesse sentido em relação aos crimes contra a humanidade cometidos pelo regime de Fujimori, em especial os casos Barrios Altos (1991) e La Cantuta (1992), que, dentre outros, motivaram a condenação do ex-presidente em âmbito interno. Por esse motivo a audiência de fevereiro de 2018 na Corte IDH é, em verdade, sobre o cumprimento das sentenças já emitidas pelo tribunal contra o estado peruano. A nova denúncia se dá nos mesmos termos das anteriores, agora no caso Pativilca, de 1992… a ver se, em um futuro não tão distante, Alberto Fujimori voltará a ser agraciado com um decreto contrário ao Direito Internacional dos Direitos Humanos. Mesmo que haja jurisprudência um tanto quanto clara nesse sentido, destaco que será interessante acompanhar o novo pronunciamento da Corte IDH, provavelmente aprofundando seus parâmetros sobre indulto de crimes contra a humanidade.

    Como muitos companheiros aqui, desde 2016 ouço o podcast em infindáveis sessões de louça, mas agora ele passou a me acompanhar nas idas para as aulas de mestrado em direitos humanos na UFRJ. Sem dúvida o podcast foi mais uma inspiração para aprofundar os estudos. Então, obrigado!

    Parabéns a vocês pelo XV e espero ter sido claro o suficiente para contribuir em um próximo giro de notícias sobre a nossa América Latina.

    Forte abraço
    Fabio Cascardo do Rio de Janeiro

  • Sobre a narrativa citada do sírio ser agora um país seguro e a questão de refugiados, tem um podcast novo no Apenã sobre refugiados e direitos humanos : https://medium.com/apen%C3%A3/022-migrantes-refugiados-e-direitos-humanos-eva-spiekermann-c0380398b088

    Quem foi entrevistada, Eva Spiekermann, mora na Alemanha e trabalhou em ONG para a defesa de direitos humanos para refugiados.

  • O Art 75 da constituição italiana proíbe referendo para a aprovação ou revogação de um tratado internacional. Então um possível referendo sobre o euro ou saída da UE só seria possível mudando a constituição.

    E` indetto referendum popolare [cfr. art. 87 c. 6] per deliberare l’abrogazione, totale o parziale, di una legge o di un atto avente valore di legge [cfr. artt. 76, 77], quando lo richiedono cinquecentomila elettori o cinque Consigli regionali.

    Non è ammesso il referendum per le leggi tributarie e di bilancio [cfr. art. 81], di amnistia e di indulto [cfr. art. 79], di autorizzazione a ratificare trattati internazionali [cfr. art. 80].

    Uma curiosidade: se pode votar para deputado, presidente da região, etc… a partir dos 18 anos, mas para votar para o senado somente depois 25.

  • Notícia de hoje cedo. Não conheço muito so bre seu trabalho, mas sei de sua importância sobre o estudo dos buracos negros e da física moderna, além de que, foi um grande divulgador da ciência!

    Faleceu hoje o físico Stephen Hawking!
    http://www.bbc.com/news/uk-43396008

  • Vendo vários comentários vindo aqui para acrescentar coisa e me sinto até um pouco mal de ter vindo para pedir coisa mas… Alguém sabe o nome ou tem o link para o artigo de diferença de salário que foi comentado do gambito da dama? sobre a diferença entre mulhere mãe e não mães e homens pais e não pais.

    Obrigado!

  • Sobre a preocupacao do Felipe dos pombos serem afetados pelo agente que envenenou o ex-espiao russo, quero dizer que ele pode ficar tranquilo.

    Pombos sao os passaros mais Bad Ass que existem.
    Descobri isso depois que passei o inverno no Canada e reparei que todos os passaros migraram (inclusive os sombrios corvos, sempre usados em filmes de suspense/terros).

    Menos os pombos, que permaneciam de peito estufado, mesmo com a temperatura ambiente beirando os -30 graus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.