Xadrez Verbal Podcast #81 – Imigrantes e América Latina

Chegamos nessa semana com um programa recheado sobre o tema imigração. A professora Ana Luisa Demoraes Campos nos brinda com uma explicação jurídica sobre o decreto de Donald Trump nesse tema. Já Filipe Figueiredo e Matias Pinto fazem um panorama dos últimos acontecimentos nos EUA, com aspectos políticos das últimas decisões, incluindo a candidata ao posto de luta do milênio: Donald Trump contra o Netflix.

Vamos até a Argentina, onde o presidente Macri também mudou as regras sobre imigrantes de outros países latino-americanos. Passamos por outros aspectos da política argentina e também falamos de nossa vizinhança, com Chile, Equador, Colômbia e México. No Gambito da Dama, a professora Vivian Almeida fala um pouco sobre o cenário da economia grega. Giramos pelo mundo, dicas culturais, os peões da semana, a semana na História e um Menino Neymar traduzido literalmente fecham mais um podcast do Xadrez Verbal!

xadrez_verbal_81_imigrantes

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira você se atualiza e se informa.

Dicas do Sétimo Selo e links

Filme 1984

Texto Aleppo, na Síria, volta a ver um jogo de futebol depois de cinco anos de guerra

Livro ‘La conexión Bogotá’, crónicas de la red de ladrones colombianos en Argentina

Quadrinho El Gaucho, de Pratt e Manara, pela Conrad

Memorando dos funcionários do Departamento de Estado contra decreto de Trump (em PDF)

Música Sunday Bloody Sunday, do U2

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa.  (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3que está no Apoia-se


assinaturaFilipe Figueiredo, 29 anos, é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.


Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.


Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.


Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

Anúncios

15 Comentários

  • esse negocio de muro virou moda

  • Vivi pra ver uma música do U2 no Xadrez Verbal (e, ao contrário do Matias, sou fã)
    Continuem o excelente trabalho!

  • Tadinho do Trump né, só porque ele é racista, xenófobo, sexista, machista, misógino, acredita em tortura, quer expulsar imigrantes e representa os setores mais conservadores, retrógrados e preconceituosos as pessoas ficam atacando e sendo injustas com o coitado :/
    que maldade meninos!

  • Canelada, nomes de Pokémons não terminam em ‘mon’, quem tem nomes terminados em ‘mon’ são os Digimons.
    Digimons: Agumon, Patamon, Piyokomon, Gabumon.
    Pokémons: Pikachu, Charmander, Squirtle, Bulbasaur.

    • Me juntando as críticas desnecessárias, a pronúncia do sobrenome do falecido juiz da suprema corte estado-unidense é Scalía e não Scália.

      No mais, muito bom trabalho, abraço.

  • Ótimo programa! Agora, se me permitem a crítica, estou sentindo falta de menções sobre a candidatura de Emmanuel Macron nos comentários da eleição francesa, principalmente já que ele está sendo considerado o novo favorito.

    Para aqueles que não sabem, Macron foi ministro da economia de Hollande e em agosto do ano passado saiu do cargo e rejeitou o Partido Socialista para entrar na corrida e criar seu próprio movimento político, o “En Marche!” de caráter centrista e progressista. O discurso dele, dentre outras coisa, é pró União Europeia (defendendo maior integração e certas reformas e elogiando a política de imigração de Merkel) e tem atraído bastante apoio desde o fim de 2016, principalmente dos jovens. Além disso, a vitória de Hamon nas primarias abriu espaço no “centro” político para eleitores mais moderados a o apoiarem, incluindo políticos do próprio Partido Socialista, que declararam seu apoio logo após a derrota de Valls e o escândalo que levou à perda de votos de Fillon fez com que as pesquisas mais recentes apontassem que o segundo turno seria Macron vs. Le Pen, com Macron ganhando por uma grande margem.

    Ainda estou deixando muita coisa de fora, como a sua promessa de lançar mais de 500 candidatos do “En Marche!” (que serão selecionados, podendo ser civis, ou até membros de partidos que não a Frente Nacional) para as eleições parlamentares, já que esse comentário está ficando muito grande, mas realmente gostaria de ver uma análise de Filipe e Matias sobre todo esse “fenômeno”.

  • Ótimo programa como sempre!
    Gostaria de agradecer todos vocês do Xadrez Verbal, porque fui recentemente aprovado em direito na USP e o programa foi uma das minhas maiores fontes de estudos para a parte de Atualidades e Geopolítica no Vestibular.
    Continuem sempre com o excelente trabalho!

  • Olá! Adoro seu programa, mas acho desnecessárias as observações da prof. Vivian, já há alguns programas. Sugestão: fazer um rodízio de professores de Economia !!!! que tal?

  • Prezados, faltou o link do tal podcast em inglês com críticas ao Dow Jonas que a leitora sugeriu.

  • A impressão que eu tenho é que a eleição do Trump representa um apoio à velha indústria (GM, Ford, Exxon, GE, etc) em detrimento da nova indústria (Google, Apple, Facebook, etc)

  • Bem melhor sem a musica de fundo…obrigado

  • Pingback: 3 Dicas para Estudar Pelo Celular – Semeando Educação

  • Sou novo por aqui, mas desde já aprecio o trabalho de vocês, principalmente do Filipe, que demonstra ter um grande conhecimento no assunto. Percebi que no Podcast ele parece mais dinâmico e confortável, que se diferencia da forma no qual ele apresenta o Nerdologia, mas entendo que pode ser cansaço ou outras variáveis. Um grande conteúdo que vocês apresentam e de uma forma que n cansa o ouvinte. Grande abraço e sucesso!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s