Xadrez Verbal Podcast #18 – Papa, Colômbia, refugiados e Forints

Papa Francisco esteve em Cuba, onde falou coisas que não agradaram alguns e deixou de falar outras coisas que desagradaram outros. Não entendeu? Depois ele foi para os EUA, falou no Congresso e hoje foi falar na ONU. Quatro vezes o verbo “falar”. Santos e Maduro se reuniram, parece que chegaram num acordo, mas…só parece? E a Guiana também voltou a reclamar do governo venezuelano.

Tem Bolívia, Síria, Burkina Faso, Israel, Brasil, mas a notícia da semana é que a União Europeia chegou numa resolução sobre as cotas de refugiados, que também virão para o Brasil e, segundo o Kerry, serão bem recebidos nos EUA. Dicas culturais, recados dos leitores, semana na História, peões e, pra fechar, um Menino Neymar cotado em Florints.

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira, em menos de uma hora, você se atualiza e se informa.

APTOPIX Cuba PopeDicas do Sétimo Selo

Filme O banheiro do Papa, trailer aqui

Livro História regional da infâmia

Música Then he kissed me, de The Crystals

Textos e links

O novo embaixador e o isolamento internacional do governo israelense

Narcos e paras

Xadrez Verbal e Iugoslávia no Projeto Humanos

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. 

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

central3A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, confira o restante da programação aqui.


assinaturaFilipe Figueiredo, 29 anos, é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.


Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.


Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.


Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

botãocursos

Anúncios

11 comentários

  • Passando só pra agradecer, o Xadrez Verbal se tornou o podcast que eu escuto ritualmente toda sexta-feira a noite (substituindo um certo podcast ai hehe), e resume de forma divertidíssima as notícias desse mundão afora. Continuem o trabalho e parabéns!

  • Eu andei vendo o canal e podcast daquele louco do Alex Jones falando do Papa e do Obama,muio engraçado viu essa Direita americana não aceita um Negro na Presidência de jeito nenhum até hoje no fim do mandato.

  • Se o Rio Grande Do Sul separar tem que levar o resto do sul também. Abrações ao Matias

  • Ótimo podcast, apesar de discordar de diversos pontos dos apresentadores, vejo que ambos têm algo que temos em falta no Brasil, opinião forte, porém um respeito ao contrário. Parabéns.

    Mas, Belo menino Neymar com caxumba! o autor do livro que o papa del ciclón recebeu foi frei betto, não Leonardo Boff!

  • Comentando sobre a Hungria:
    primeiro que a moeda é o Forint (em húngaro) ou Florim Hungaro e a bebida típica hungara é a Palinka, uma especie de cachaça a base de frutas como morango e pessego, muito gostosa por sinal e bem mais forte do que o paladar brasileiro é acostumado. Existem também muitas cervejarias locais que produzem breja boa e barata por la, como por exemplo a Soproni (pronuncia Xoproní), mas a palinka é a bebida nacional.

    • Livia, obrigado pela correção, já corrigi o título do post. Eu vi grafado com L e, buscando agora, parece que é a grafia antiga, por causa da cidade de Florença. Pelo visto, conhece bem o país. Um abraço e obrigado pelo apoio.

      • Por nada!
        Eu que agradeço pelo podcast! Na correria do dia a dia, é uma das melhores meios de se manter atualizado!
        Continuem o bom trabalho!

        E quanto a Hungria, eu morei em Budapeste por um ano, então deu pra conhecer bastante coisa.
        Pra mim, Budapeste a cidade mais linda da Europa, indico a todos a visita =)

  • Já que vocês gostam de grupos de rap latinos, recomendo o clássico Cypress Hill, e a música “Tequila Sunrise”. Continuem com o exelente trabalho!

  • Clayton H. da Costa

    Confesso que em minha época de de ensino fundamental / médio, detestava geografia (não à-toa, segui a área de exatas) . Ainda assim, apesar de achar que programação deve sim ser parte do currículo escolar (até pelo incrível desenvolvimento lógico que promove), trocar um pelo outro é um erro abissal. História e Geografia, ambas têm muita importância na formação de uma criança. Atualizar o currículo, sim… Mas façamos de forma pensada,

    Excelente podcast, como sempre.

    Um grande abraço
    Clayton

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s