Xadrez Verbal Podcast #131 – EUA, Europa e América Latina

No podcast do Xadrez Verbal dessa semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo fazem um girão pelo mundo inteiro! Giramos pela Europa, onde Theresa May não aceitou o primeiro rascunho do acordo do Brexit, que discute a fronteira da ilha da Irlanda. De lá, passeamos pela nossa vizinhança latino-americana, com um possível acordo entre oposição e governo na Venezuela, além de novos indícios de Odebrechtquistão.
Vamos até os EUA, onde o presidente Donald Trump deu um tapa com luva de pelica na cara do lobby da National Rifle Association e suas relações políticas. Também falamos da política externa dos EUA e da visita do chanceler brasileiro ao Oriente Médio. Giramos pelo restante do mundo, repercutimos o novo míssil russo, economia com a professora Vivian Almeida, peões da semana, a semana na História e dicas culturais fecham mais um semanário de política internacional!

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira você se atualiza e se informa.

Dicas do Sétimo Selo e links

Filme King Kong, original de 1933

Documentário Panteras Negras: Vanguarda da revolução

Música Time, do Pink Floyd

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, que está no Apoia-se

Filipe Figueiredo é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.
Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.

Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.

Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

Anúncios

20 Comentários

  • Ótimo programa, excelente música de encerramento.

  • Engraçado né? Somos todos iguais, mas pra tomar coisas dos outros… ai não, ai tem negros e brancos.

  • Já que vocês comentaram sobre o “incidente” do cerco em Waco e sobre se se ia sair uma série. A série já saiu e já acabou, foram só seis episódios e o último foi ao ar esta quarta. O nome é Waco mesmo e digamos que dá pra achar em certos sites e programas de torrent.

  • Felipe, em história vcs são todas, mas em economia um pouco fraco. No caso da NRA, a força vem das empresas e comércio e tal, mas a força das empresas e lojas vem de quem? Do povo, é o povo que consome e apóia o direito de ter e portar armas. Isso é democracia. Parabéns pelo programa.

  • O podcast, como sempre, está excelente! Vocês sempre têm, ao meu ver, bastante cuidado e equilíbrio na hora de comentar os eventos importantes.

    Só uma coisinha insignificante, na verdade um detalhe tecnológico (sim, sou de exatas, me desculpe). Não sei se já chamaram a atenção de vocês quanto a isso, mas os arquivos MP3 dos episódios não estão tageados. Pelos menos, o formato de tags utilizado não é reconhecido, nem por ferramentas especializadas aqui no meu sistema operacional, nem pelos players de áudio no meu celular. Aconselho usarem tags do tipo id3, em algum versão bastante comum para evitar incompatibilidades.

    Essas TAGS, contém metadados sobre o arquivo, como o nome do “artista”, “album” e”título”. Elas são importantes, e permitem que os players de áudio organizem e categorizem os arquivos facilmente. Seria muito legal se vocês tivessem esse cuidado também!

    Um abraço!

  • Daniel Medeiros Almeida, MD

    Olá Filipe

    Uma curiosidade sobre o Air Force One. Na verdade esse nome é a identificação que o controle de trafego aéreo usa para identificar qualquer avião da Força Aérea que esteja transportando o Presidente. Obviamente que eles tem uma frota de aeronaves especiais que, como você falou, é adaptada com uma serie de elementos de segurança. O curioso é que a mesma aeronave que é identificada como Air Force One quando leva o Presidente, é identificada como Air Force Two, quando leva o Vice-Presidente. A mesma regra vale quando os helicópteros do Corpo de Fuzileiros Navais leva o Presidente (Marine One) ou o Vice-Presidente (Marine Two). É sempre interessante ver comentários do Brasil no cenário da geopolítica internacional. Para o Matias, um recado: Who Dey!

  • David Onezio Moraes

    Ótimo programa como sempre, sobre o brasileiro não ter uma cara, o maior exemplo disso é o Tony Ramos, ele tem cara de grego, italiano, indiano, português, inclusive se a globo tivesse escalado ele pra fazer o papel de mestiço japonês, ninguém teria reclamado!

  • Boa Tarde Felipe e Matias, parabéns por mais um ótimo episódio. O impedimento de oleodutos e gasodutos no território sírio, é a principal moeda de troca que o governo sírio tem com o governo russo. Como “com certeza” terá assunto sobre a guerra na Síria no próximo episódio, gostaria que comentasse, quais os principais países (fornecedores de gás e petróleo) estariam interessados neste comércio fazendo concorrência com a Rússia.

  • Opa. O Xi Jinping não tem origens humildes. Ele é um Príncipe do partido comunista. O Pai dele é o Xi Zhongxun que foi um dos fundadores da guerrilha comunista do norte da China e alto funcionário do partido comunista no governo do Mao. O ditador atual trabalhou no campo porque na época da revolução cultural até os filhos dos funcionarios tinham que dar exemplo e cumprir as doideras do Mao naquela época.
    Um abraço desde Xangai. Comecei a escutar o programa por recomendação do podcast de MMABrasil.

  • Só por curiosidade, tenho um amigo indiano do estado de gujarat mas que atualmente mora em Montevideo no Uruguai. Comentei com ele sobre a história do peru em inglês se chamar turkey e em turco se chamar hindi e segundo ele peru em hindi se diz chidiya.

  • Parabéns pelo programa! Ouço religiosamente toda semana!

    Não me recordo de vocês terem comentado o “vacilo” do portal G1…
    https://g1.globo.com/mundo/noticia/tiroteio-no-centro-de-zurique-deixa-mortos.ghtml

    Aparentemente eles não sabem o nome da capital da Suiça…

    Abraço!

    Wescley Guimarães

  • Boas, sou um brasileiro residente ha varios anos em Portugal, sendo que meus familiares mantem-se por ai, mais propriamente em Goias, conheci o Xadrez Verbal e o Fronteiras, muito por conta do Canal Nerdologia do Youtube, procurei pelo Filipe e conheci por aqui o Matias, enfim estou completamente viciado nos vossos podcast, tanto o Xadrez como o Fronteiras, gostaria de vos cumprimentar e deixar a nota de um assiduo ouvinte, como conheci ha poucos tempo tenho procurado o arquivo e vasculhado todos os quantos possiveis e se me permitirem adoraria ouvir um fronteiras de Portugal (creio que imaginam o motivo). Forte abraço

  • Fiquei guardando louças e afazeres domésticos para sexta, aguardando o podcast que não saiu…
    Vocês precisam compreender a responsabilidade que vocês tem nas mãos! Não podem atrasar assim os podcasts, ou a casa de seus ouvintes ficarão cada vez mais inabitáveis.
    Espero que o atraso seja para incluir com mais detalhe o possível encontro do Trump com Kim.
    Abraços, continuem com o bom trabalho.

  • Sobre a preocupacao do Felipe dos pombos serem afetados pelo agente que envenenou o ex-espiao russo, quero dizer que ele pode ficar tranquilo.

    Pombos sao os passaros mais Bad Ass que existem.
    Descobri isso depois que passei o inverno no Canada e reparei que todos os passaros migraram (inclusive os sombrios corvos, sempre usados em filmes de suspense/terros).

    Menos os pombos, que permaneciam de peito estufado, mesmo com a temperatura ambiente beirando os -30 graus.

  • Olá, Felipe e Matias. Venho um pouco atrasado para só adicionar algo interessante sobre as seleções dos países britânicos e irlandeses (acredito ser este o episódio em que vocês comentam isso) e como fica a divisão de cada seleção a depender do esporte praticado.

    O gráfico não é de autoria minha e sim do usuário do reddit /u/Udzu.

    Abraços.

  • Comentário rápido, só pra avisar de um pequeno deslize que foi citar a pronúncia luso fônica de James (tanto para Jaime quanto para Tiago) mas não o fizeram para Elizabeth que seria Isabel

  • Na verdade tem como fazer rima e cantar em gaélico sim, a banda Eluveitie faz exatamente isso! Uma das minhas músicas favoritas é Brictom. 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.