Xadrez Verbal Podcast #27 – Macri, COP21 e avião russo na Turquia

No programa de hoje recebemos Cláudio Ângelo, do Observatório do Clima, para falarmos sobre a COP21, que inicia em Paris, neste final de semana. As perspectivas de negociação, um histórico da Conferência e uma análise sobre a postura brasileira nas negociações climáticas.

Também repercutimos a vitória de Maurício Macri no pleito argentino e o que isso pode significar para o Brasil e para a América do Sul. Sua política econômica é tão diferente assim? A Venezuela será suspensa do MERCOSUL? Como serão as relações com o Brasil? O Matias errou sua análise?

Atentados no Mali, acidentes de mineração, notícias do mundo, um Menino Neymar que fala em inglês, um Anti-Menino Neymar, dicas culturais e, é claro, o avião russo abatido pela Turquia e suas consequências. E não, não teremos a Terceira Guerra Mundial.

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira, em menos de uma hora, você se atualiza e se informa.

image56495c2339a781.14985913

Dicas do Sétimo Selo

Filme Ponte dos espiões, trailer aqui

Música Borders, da M.I.A.

Textos e links

Observatório do Clima

Vídeo Atentados no Mali: Guerra civil e a presença francesa

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. 

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

central3A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, confira o restante da programação aqui.


assinaturaFilipe Figueiredo, 29 anos, é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.


Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.


Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.


Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

botãocursos

Anúncios

19 Comentários

  • cara vcs tem como mudar o botao de player no central3 ? Se tiver muda pelo amor de Dio Santo !

  • Será que esta derrubada do avião não tem a ver com a destruição pela Rússia dos caminhões de transporte de petróleo? Afinal segundo teorias da conspiração a Turquia ‘lava’ o petróleo do Daesh.

  • Sensacional a entrevista caras,

    mais um ótimo programa,

    parabéns!

  • No arquivo mp3 fica mudo durante toda coluna aberta.

    • Opa, não. Na verdade o som só está indo pra um dos fones… e era exatamente o quebrado. Mea culpa.
      Whatever, então… No arquivo mp3 o som só vai pra um dos lados do fone durante toda coluna aberta!

  • Qual o twitter do Matias?

  • Sobre o cancelamento da viagem presidencial para o Japão, pergunto o seguinte. Alguém reclamou dessa viagem, especificamente? Não. É de hoje que o brasileiro reclama que os gastos da Presidente estão descontrolados? Não. Foi sequer este ano que nós começamos a reclamar do gasto? Não.

    A Presidente teve mais do que tempo suficiente colocar os gastos do executivo em ordem. Não fez. Se ao invés de voar de helicóptero pra lá e pra cá, ela andasse de carro quando está no Brasil, teria dinheiro para ir ao Japão. Se quando ela fosse pra Europa, não se hospedasse em hotéis que custam 8.000 Euros por dia, teria dinheiro pra ir pro Japão. Será que em Paris inteira não tem um hotel decente por 2,000 Euros pra presidente ficar? Ela não podia rachar um quarto com a Cristina, já que elas são tão amigas? Eu, com 8,000 euros fazia uma viagem legal pro Japão, ainda mais saindo de Paris.

    Mas não, ela gastou, e gastou. Uma hora ia ficar sem dinheiro. E na hora que isso acontecesse, irremediavelmente alguma coisa teria que ser cancela. Podia não ser o Japão, mas seria alguém. Os EUA, a França, a Argentina…

  • Bom dia Felipe,

    Ainda não escutei o podcast, mas pela descrição acho que não comentarão sobre o Estado Islâmico em si. Minha pergunta é mais sobre este grupo terrorista ai.

    Assistir uma palestra na minha faculdade do Tico Santa Cruz (vocalista da banda Detonautas), e dentre diversos assuntos, ele abordou o surgimento e destaque no cenário nacional do grupo terrorista Estado Islâmico. Dentre sua tese, que achei divinamente linear e correta, ele faz correlação com a invasão do Estados Unidos ao Iraque como ponto crucial para desequilibrar o ambiente do oriente médio. E neste meio termo, é que surge o Estado Islâmico.

    Gostaria de saber se você compartilha desse mesmo entendimento, e se tiver conteúdos interessantes quanto a este tema para me indicar, adoraria dar uma leitura.

    Valeu!!

    • Palestra do Tico Santa Cruz é triste. De qualquer forma vou responder a perguntar mesmo ela não sendo pra mim. Ele está mais ou menos correto em fazer essa ligação, foi após a derrubada do governo Hussein que a Al-Qaeda e o Shura Mujahideen se fortaleceram. O EIIL é composto por dissidentes desses e outros grupos insurgentes sunitas. Claro que manter o Saddam no poder era loucura, mas o al-Zarqawi aproveitou toda a zona que era o Iraque pós invasão pra ganhar notoriedade e fundar o Tawhid wal-Jihad.
      O mais ou menos certo vai porque o Estado Islâmico do Iraque e do Levante só ficou realmente forte depois da Guerra Civil da Síria. Se não fosse por isso a Frente al-Nusra não teria se fundido com eles e o ISIS ficaria condicionado a um território bem menor.

  • Sobre as eleições argentinas, como moro em Foz do Iguaçu e costumo ir bastante a Puerto Iguazu, posso afirmar que o país está realmente divido. Porém agora a metade “derrotada” está com medo de perder os benefícios populistas, já a outra metade está aliviada e muito esperançosa.
    Tive uma conversa não muito agradável com um hermano kirchnerista e assim, eles realmente parecem muito com os petistas daqui.
    Assim, falando como um vizinho (literalmente) da Argentina, espero profundamente que o país melhore e volte a crescer. Eles são um povo muito batalhador que infelizmente caíram (como boa parte dos Latinos) no conto do populismo. Meu medo é que provavelmente com a melhora cambial do peso, os vinhos e doces passem a sair mais caros para se comprar lá 
    Só um adendo pro garoto de decidiu fazer a Unila. Fuja, fuja enquanto ainda há tempo.

  • Uma outra dica de música sobre essa questão das fronteiras é canção
    Borders are https://www.youtube.com/watch?v=k40su7eHgIs do Serj Tankian, vocal do System.
    Inclusive, apesar do clipe ser bem simples, ele é bem massa.

  • Filipe, gostaria de acrescentar essa matéria que saiu no Motherboard, um “Tecmundo” melhorado dos EUA.
    Achei bastante interessante.

    http://motherboard.vice.com/pt_br/read/fisicos-belgas-calculam-que-geral-mentiu-sobre-o-aviao-russo-abatido/?a%3Futm_source=MBfacebr

    Um abraço do ASA de Arapiraca!

  • Não consigo cadastrar o podcast no podstore, o que eu faço?
    O feed encaminha para a página dos podcasts mas não atualiza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s