Xadrez Verbal e Atila Iamarino – Especial Coronavírus #40

Trezentos! Ou quarenta! Isso mesmo, trezentos podcasts do Xadrez Verbal e quarenta programas sobre a pandemia da covid-19 com o biólogo e virologista Atila Iamarino para trazer uma perspectiva diferente ao noticiário internacional. Aqui você terá, gratuitamente, as principais notícias sobre a pandemia e um estudo de caso sobre a suscetibilidade das pessoas em relação ao coronavírus, junto com as análises do que está funcionando, o que não está e quais as lições para o Brasil!

Você nem sempre tem tempo, mas precisa entender o que acontece no Mundo, ainda mais porque o planeta está uma zona. Toda semana, Matias Pinto e Filipe Figueiredo trazem pra você as principais notícias da política internacional, com análises, críticas, convidados e espaço para debate. Toda sexta-feira você se atualiza e se informa.

Dicas do Sétimo Selo e links

Livro Bottle of Lies: the inside story of the generic drug boom, de Katherine Eban

Matéria ‘Testei positivo 43 vezes’: o caso de covid-19 mais longo do mundo

Estudo Ivermectin to prevent hospitalizations in patients with COVID-19 (IVERCOR-COVID19) a randomized, double-blind, placebo-controlled trial, por Julio Vallejos e colaboradores

Lado B do Rio Especial JURA/UERJ com Sérgio Chicumbe

Nerdologia – Ebola

Nerdologia – E se o Ebola viesse para o Brasil?

Nerdologia História – Ebola e o meme do caixão

Nerdologia – A ciência Nazista

Música de encerramento A far l’amore comincia tu, com Raffaella Carrà

Playlist das músicas de encerramento do Xadrez Verbal no Spotify

Canal do Xadrez Verbal no Telegram

Minutagem dos blocos, cortesia dos financiadores do Xadrez Verbal

  • 02:30:40 – Estudo de caso: vulnerabilidades do genoma humano ao vírus
  • 03:00:42 – Música de encerramento

Ouça o podcast aqui ou baixe o programa. (clique com o botão direito do mouse e use a opção “Salvar como” para baixar)

Você também pode assinar o podcast via RSS ou no iTunes, além, é claro, de acompanhar o blog.

A revista de política internacional do Xadrez Verbal é feita na Central 3, que está no Apoia-se

Filipe Figueiredo é tradutor, estudante, leciona e (ir)responsável pelo Xadrez Verbal. Graduado em História pela Universidade de São Paulo, sem a pretensão de se rotular como historiador. Interessado em política, atualidades, esportes, comida, música e Batman.
Como sempre, comentários são bem vindos. Leitor, não esqueça de visitar o canal do XadrezVerbal no Youtube e se inscrever.

Caso tenha gostado, que tal compartilhar o link ou seguir o blog?

Acompanhe o blog no Twitter ou assine as atualizações por email do blog, na barra lateral direita (sem spam!)

E veja esse importante aviso sobre as redes sociais.

Caros leitores, a participação de vocês é muito importante na nova empreitada: Xadrez Verbal Cursos, deem uma olhada na página.

20 Comentários

  • Muito bom o episódio. Estou aguardando ansiosamente a volta do Fronteiras, torcendo para ter um episódio sobre minha gloriosa canavieira Alagoas, cuja capital está sofrendo com o afundamento de alguns bairros por conta da extração de salgema. Inclusive o CSA teve que mudar seu centro de treinamento que já foi invadido pela lagoa mundaú por conta do afundamento causado pelas minas de salgema.

  • Diogo Maia de Carvalho

    Em primeiro lugar, parabéns pelo 300° programa. Em segundo lugar, gostaria de dizer que estou aliviado por ter tomado a primeira dose da vacina aqui em BH no dia 07/07, quarta-feira. Apesar de ter 32 anos, passei em um concurso público e comecei a trabalhar no HC-UFMG, então consegui a minha tão sonhada injeção.

    Um grande abraço a todos e que viva a vacina!

  • Matias, Filipe e Atila, meu MUITO OBRIGADA por serem minha primeira referência nesta pandemia – referência esta que levarei para o resto da vida. Muito sucesso a todos vocês e uma ótima imunização. (No próximo programa convencional já terei tomado minha segunda dose.)

  • Ótimo episódio. Boa vacina pra vocês, espero que dê aquela reação pra saber que funcionou mesmo, já que Astrazeneca treina o corpo na base do tapa. E nossa que legal essa musica da Raffaella Carrá kkkkkk

  • Fala Filipe, Matias e Átila. Parabéns por 40° especial e pelo 300° programa.
    Aproveitando pra ser o chato aqui que vai dizer que a última letra do alfabeto grego é Ômega. Aliás, só de pensar em variante ômega já dá um frio na espinha.
    Abraços e continuem com o grande trabalho.
    Obrigado.

  • Sei que é difícil responder perguntas, mas fiquei imaginando se a questão de estatura possa ter algo a ver com as crianças serem menos afetadas pelo Covid. É uma ideia maluca? Tenho uma série de livros chamado Contos de Kolimá, que basicamente é a experiência do autor (Varlam Chamalóv) na prisão da Sibéria durante o período stalinista. Uma coisa que ele comentou (sobre a falta de comida) era que pessoas altas não resistiam muito. Faz todo sentido, afinal a desnutrição e os trabalhos forçados eram a regra.

    Programa excepcional (pra guardar). Parabéns pelo 300º programa… e obrigado a vocês.

    Abs

  • Gustavo Mitsuichi

    Olá senhores !
    Primeiramente parabéns pelo excelente programa (como sempre), mas tenho uma pequena correçao pra fazer.
    A taxa de adultos totalmente vacinados está na casa dos 80% e não 90% como foi dito no programa (fonte: https://vaccinetracker.ecdc.europa.eu/public/extensions/COVID-19/vaccine-tracker.html#uptake-tab). Obviamente ainda é uma proporção altíssima de qualquer modo.
    Abraços de Haia !

  • Voces poderiam por favor disponibilizar a fonte/link do estudo de caso “vulnerabilidades do genoma humano ao vírus”? Obrigado.

  • Bom dia, boa tarde, boa noite, pessoal. Cada vez mais o programa de vocês passa a ser indispensável para a atualização sobre a COVID-19 e para adquirir conhecimentos (não tão sólidos quanto os do whatsapp da tia do colega do grupo da escola mas…) relevantes sobre a pandemia. Uma dúvida, que eu não consegui ver respondida “nas internet”: após a segunda dose das vacinas disponíveis (ou a dose da Janssen), ainda transmitimos o vírus, caso entremos em contato com ele?

  • Quem não toma vacina é um Aedes Aegypti da COVID-19.

  • Link da OMS para a lista de variantes: https://www.who.int/en/activities/tracking-SARS-CoV-2-variants/

    Epsilon é a B.1.427 (detectada primeiramente nos EUA), Zeta a P.2 (detectada no Brasil) e Theta a P.3 (nas FIlipinas)
    Parece que perderam o nome quando foram rebaixadas dia 6 de julho, por não serem mais variantes de interesse

  • Luis Eduardo Reis

    Ótimo programa como sempre!!

    Parabéns pelo programa de número 300!!

    Eu super apoio uma coluna do Átila, acho uma boa adição ao programa.

    Muito obrigado pelo conteúdo!!

  • Olá, senhores.

    Excelente episódio. Apenas para corrigir uma CAIMBRA MENTAL do Filipe, a letra ZETA (ζ) é, na verdade, a 6ª letra do alfabeto grego. Ou seja, ela ainda não seria uma variante tão transmissível. A chefe de verdade seria a variante OMEGA (Ω), que, diga-se de passagem, é um nome bem mais legal.

    Parabéns pelo excelente trabalho.

  • Gostaria de perguntar para o Atila em uma escala entre 0 e 10, o quanto ele recomenda que as pessoas participem de estudos de fase 3 para novas vacinas contra o Covid-19, considerando o ritmo de vacinação.
    Aqui em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba estão recolhendo candidatos para teste da Medicago/GSK a CoVLP e acabei me inscrevendo.
    Já tomei duas doses de vacina ou de placebo, sendo que em 06 de agosto vou para o segundo turno, recebendo mais duas doses de vacina ou placebo (crossover).
    Parabéns pelo programa 300, pessoal!

  • Prezados, Acompanho vocês há alguns anos e gosto muito do xadrez Verbal. Gostaria de saber se sou considerada financiadora do xadrez verbal. Contribuo mensalmente através da Iugu Servicos de Internet com 10 reais. Ouvi há algum tempo o Filipe dizer que os financiadores receberiam um brinde. Mandei um email e me responderam que não teria. Entendi assim. No entanto, no programa 261 o Filipe falou de um financiador que ganhou uma caneca de brinde. Eu gostaria muito de ganhar uma caneca de vocês ou algo assim. O que preciso para isso? Muito obrigada. Um abraço, Cristina Saluby

  • Claudia Nascimento

    Caros, o especial com Átila está fora do ar? Estão de férias? Tem previsão de retorno?
    Forte abraço e obrigada pelo conteúdo!

    • Também quero saber, já estou um pouco preocupada, inclusive. Sou estudante da área da saúde, e acompanho todos os episódios, que fazem a maior diferença na hora de avaliar perspectivas diversas sobre a pandemia e vacinas junto a colegas, bem como argumentar com os negacionistas das diferentes qualidades (tendo em vista o espectro do ruim, péssimo, terrível, deprimente etc).
      Obrigada pelos programas, admiro demais o trabalho de vocês.

Deixe uma resposta para edudutra Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.